Seja mais um amigo!

Visitem!

Veja outros bons posts deste blog!

(se quiser, clique na imagem e para ver mais, na nova página, carregue no botão F5 para actualizar)

quinta-feira, 4 de outubro de 2007

Saber mais (ou pelo menos tentar)

Pois é uma das coisas que mais me preocupa nos dias de hoje (embora também me esteja a preocupar o resultado do encontro do Seleccionador Nacional com os dirigentes da U.E.F.A.) é o facto de saber se eu sei mais do que um miúdo de dez anos. Pode parecer uma preocupação um pouco parva (se calhar), mas é uma questão muito importante e que merece alguma atenção. Vou começar (para me sentir mais à vontade) por vos questionar: sabem,por ventura, qual é a maior palavra da Língua Portuguesa? Claro que vocês devem ter pensado na palavra «inconstitucionalissimamente», com apenas (e já vão ver porque é que eu estou a dizer «apenas») 27 letras, pois é até um miúdo com dez anos acertava esta. Porém o que um miúdo de dez anos (ou pelo menos só um ) não sabe é que a a maior palavra da Língua Portuguesa é (pelo menos foi o que eu li) «pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico» (uau! até o teclado ficou a abanar!), esta palavra tem 46 letras (tentem lá ler esta palavra de uma vez). Esta palavra significa : uma pessoa acometida por uma doença pulmonar causada pela aspiração de cinzas vulcânicas (acometida? já não bastava a palvra ser o que é inda metem estas palavras pelo meio), pois bem acometida significa «assalto inesperado» ou «investida» (claro que tive de ir ver ao dicionário). Pois bem, mas voltando à problemática inicial, qualquer dia uma pessoa vai fazer uma entrevista de emprego e por azar (ou por desconcentração) não passa nos testes, o director, despede-se do aspirante a funcionário mas este diz-lhe: «Olhe eu posso não perceber nada destes testes mas sei quantos satélites tem o planeta Júpiter!»O gerente diz :«a sério?Então sabe mais do que um miúdo de dez anos, o lugar é seu.» (para além de ser admitido na empresa se ainda souber que nome se dá a um angulo de 90º inda se arrisca a ficar com o lugar do director). Se calhar tou a exagerar (ou deverei dizer que estou a «encarecer»?!) mas hoje em dia quem não souber mais do que um miúdo de dez anos é capaz de não se safar tão bem (porém gostava de ouvir a vossa opinião, se quiserem claro), penso até que devia haver um debate acerca desta ideia (é verdade depois a novela já dava para muito tarde). Dizem que o saber não ocupa lugar, mas a verdade é que eu tenho muitas prateleiras ocupadas com livros, o que é bom assim quando me apetecer posso aumentar a minha cultura geral.
Nota: Parece que está a passar num canal de televisão um concurso que aborda esta probemática(«Sabe mais que um miúdo de dez anos?») é capaz de ser um concurso interessante.

Um comentário:

mocho disse...

já foi colocado o link
~Bem vindo

Blog Widget by LinkWithin